DEPARTAMENTO DE FÍSICA

 

Química Geral II - F

Ano letivo: 2011-2012
Especificação técnica - ficha curricular

Elementos especificos
código da disciplinaciclo de estudossemestre lectivocréditos ECTSlíngua de ensino
1005147126.0pt


Objectivos formativos

As cadeiras de Química Geral I e II visam dar ao aluno um conhecimento teórico e teórico-prático das diferentes áreas de química, importantes para a Licenciatura em Física. A Química Geral II incide especialmente nos diferentes tipos de composto químico inorgânico e orgânico, o seu comportamento e as suas reacções.

Competências gerais e específicas (descritores de Dublin):

Conhecimento e capacidade de compreensão:

– Reconhecer e utilizar teorias e conceitos.

– Analisar e resumir a informação.

Aplicação de conhecimentos e compreensão:

– Aplicar conhecimentos para abordar problemas

– Saber realizar trabalhos práticos no laboratório

Realização de julgamento/tomada de decisão:

– Processar e interpretar dados quantitativos

Comunicação:

– Compreender e utilizar as fontes de informação.

– Transmitir adequadamente os conhecimentos adquiridos

Competências de auto-aprendizagem.

– Desenvolver as competências adequados para ser autónomo.

– Saber avaliar o auto-desempenho.

Programa genérico mínimo

Fase gasosa:

Equações de estado dos gases ideais, de Van der Waals e do Virial. Teoria cinética dos gases.

 

Soluções – propriedades e reações em solução:

Condutividade e concentrações.

Solubilidade e reações de precipitação.

Sistemas coloidais.

Esquema geral de análise qualitativa de soluções.

Ácidos, bases e soluções tampão; pH; titulações ácido-base. Sistemas mono- e polipróticos.

 

Cinética química:

Ordem das reações e molecularidade.

Reações da ordem 1, 2, 3 e pseudo-1; velocidade das reações; radioatividade.

Teorias da cinética das reações.

Efeito da temperatura na cinética e energia de ativação.

Métodos para investigar o mecanismo das reações.

Catálise: catalisadores homogéneos e heterogéneos.

 

Termodinâmica química:

Princípios da Termodinâmica; Entalpia, Entropia e Energia Livre; processos espontâneos; Lei de Hess da aditividade dos calores de reação; Equilíbrio químico.

 

Oxidação-redução; electroquímica:

Reações de oxidação-redução.

Potenciais de eléctrodo e a equação de Nernst; diagramas do estado de oxidação e números de oxidação.

Células electroquímicas: galvânicas e electrolíticas.

Eléctrodos indicadores e seletivos; eléctrodos de referência.

Pilhas e células de combustível; processos de corrosão.

 

Compostos inorgânicos:

Classificação. Propriedades dos elementos dos grupos principais e os seus compostos. Metais de transição; formação de complexos.

 

Compostos orgânicos:

Estruturas, geometria e conformação; classificação de compostos, estereoquímica.

Grupos funcionais importantes e as suas reações.

Pré-requisitos

Química Geral I // Ensino Secundário.

Competências genéricas a atingir
. Competência em comunicação oral e escrita;
. Competência para resolver problemas;
. Competência em aprendizagem autónoma;
. Competência em aplicar na prática os conhecimentos teóricos;
. Competência em análise e síntese;
. Competência em raciocínio crítico;
. Competência em autocrítica e auto-avaliação;
(por ordem decrescente de importância)
Horas lectivas semestrais
aulas teóricas45
aulas teórico-práticas30
total horas lectivas75

Método de avaliação
Mini testes20 %
Exame80 %
concretização da avaliação em 20112012
Mini Testes: 20.0%
Exame: 80.0%

Bibliografia de referência

CHANG, R. Química. 8ª ed.

JONES, L.L.; & ATKINS, P.W. Chemistry: Molecules, Matter and Change. 4ª ed.

KOTZ, J.C. & TREICHEL, P. Chemistry and Chemical Reactivity. 3ª ed.

Método de ensino

Os métodos de ensino das aulas teóricas e teórico-práticas têm como objectivo a aprendizagem global da disciplina.

As aulas teóricas são apoiadas em apresentações com textos simples, e em diagramas, gráficos, etc., com o apoio de meios audiovisuais. Há oportunidade de discutir os conceitos e assuntos mais difíceis.

O ensino teórico-prático incide sobre e acompanha a matéria das aulas teóricas com a intervenção activa dos alunos na discussão da resolução dos problemas que são fornecidos aos alunos no início do semestre e são objecto de estudo antes da respectiva aula.

Recursos específicos utilizados