DEPARTAMENTO DE FÍSICA

 

Física da Matéria Condensada - F+EF

Ano letivo: 2008-2009
Especificação técnica - ficha curricular

Elementos especificos
código da disciplinaciclo de estudossemestre lectivocréditos ECTSlíngua de ensino
1002708127.5pt


Objectivos formativos
Competências de importância central:

Compreensão teórica dos fenómenos físicos
Capacidade para resolver problemas
Cultura geral aprofundada em Física

Competências de importância secundária:

Capacidade para aprender
Capacidades experimentais e laboratoriais
Capacidade para procurar e utilizar bibliografia
Programa genérico mínimo
1. Estrutura cristalina de sólidos
2. Imperfeições (defeitos) em sólidos
3. Difracção de raios X, neutrões e electrões.
4. Dinâmica das redes cristalinas
5. Propriedades térmicas dos sólidos
6. Electrões em sólidos
7. Introdução ao estudo de semicondutores
8. Noções de magnetismo em sólidos
Pré-requisitos
Análise Matemática I e II
Física Geral I e II
Fundamentos de Física Moderna
Mecânica Quântica
Competências genéricas a atingir
. Competência em análise e síntese;
. Competência em comunicação oral e escrita;
. Competência para resolver problemas;
. Competência em raciocínio crítico;
. Competência em aprendizagem autónoma;
. Conhecimentos de informática relativos ao âmbito do estudo;
. Competência em trabalho em grupo;
. Competência para comunicar com pessoas que não são especialistas na área;
. Competência em aplicar na prática os conhecimentos teóricos;
(por ordem decrescente de importância)
Horas lectivas semestrais
aulas teóricas45
aulas práticas laboratoriais45
total horas lectivas90

Método de avaliação
Trabalho laboratorial ou de campo20 %
Mini testes15 %
Exame65 %

Bibliografia de referência
Apontamentos da disciplina - M. Margarida R. R. Costa e Lourdes C. R. Andrade

Elementary Solid State Physics - M. A. Omar, Addison Wesley Publishing Company, 1975

The Basics of Crystallography and Diffraction - C. Hammond, Oxford University Press, 2001
Método de ensino
Nas aulas teóricas serão apresentados os tópicos do programa, solicitando-se frequentemente a intervenção dos alunos, de modo a estimular o seu espírito crítico, a capacidade de compreender e de relacionar.

Os alunos serão convidados a resolver em casa problemas propostos; estes serão discutidos em aulas PL e as dúvidas esclarecidas através do diálogo entre alunos e destes com o Professor.

Os trabalhos laboratoriais serão apresentados, de forma sucinta mas completa, por grupos de alunos que posteriormente os vão realizar em Laboratório.
Recursos específicos utilizados