DEPARTAMENTO DE FÍSICA

 

Análise Matemática I - F+EF+EB

Ano letivo: 2011-2012
Especificação técnica - ficha curricular

Elementos especificos
código da disciplinaciclo de estudossemestre lectivocréditos ECTSlíngua de ensino
1001928117.5pt


Objectivos formativos

Dotar os alunos dos conhecimentos básicos de Cálculo Diferencial e Integral nos reais bem como dos conceitos fundamentais no estudo de curvas planas e equações diferenciais básicas. Pretende-se que os estudantes adquiram um conhecimento dos conceitos que lhes permita avaliar do alcance e limitações das matérias estudadas e suas aplicações.

Programa genérico mínimo

Funções reais de uma variável real.

Limite, continuidade e derivação.

Integral definido e aplicações.

Integral impróprio.

Equações diferenciais de primeira ordem: variáveis separáveis e lineares.

Equações paramétricas e coordenadas polares (inclui estudo de curvas).

Pré-requisitos

Matemática 12º Ano.

Competências genéricas a atingir
. Competência em análise e síntese;
. Competência para resolver problemas;
. Competência em raciocínio crítico;
. Competência em aprendizagem autónoma;
. Competência em organização e planificação;
. Competência em comunicação oral e escrita;
. Competência em aplicar na prática os conhecimentos teóricos;
. Competência em autocrítica e auto-avaliação;
(por ordem decrescente de importância)
Horas lectivas semestrais
aulas teóricas45
aulas teórico-práticas45
total horas lectivas90

Método de avaliação
Resolução de problemas0<50 %
Mini testes0<50 %
Frequência0<100 %
Exame0<100 %
concretização da avaliação em 20112012
Isabel Maria Narra de Figueiredo

Bibliografia de referência

STEWART, J. (2001). Cálculo. 4ª ed. São Paulo: Pioneira. Vol 1 e Vol.2.

CARVALHO e SILVA, J. (1994). Princípos de Análise Matemática Aplicada. Lisboa: McGraw-Hill.

FERREIRA, Campos J. (1993). Introdução à Análise Matemática. Fund. Calouste Gulbkenkian.

Método de ensino

Nas aulas teóricas serão expostos os conceitos fundamentais. As aulas teórico-práticas serão destinadas à resolução de problemas sob orientação do professor. Incentivar-se-á a resolução autónoma de problemas. Quanto à exposição teórica far-se-á prevalecer uma forte interação entre os conceitos e a sua aplicação concreta dando, tanto quanto possível, um papel central à visualização e à análise de situações particulares antes de proceder a uma abstração progressiva das noções a introduzir. A transformação dos conceitos em ferramentas de trabalho será atingida pelo incentivo ao trabalho pessoal.

Recursos específicos utilizados