DEPARTAMENTO DE FÍSICA

 

Neurobiologia II - EB

Ano letivo: 2015-2016
Especificação técnica - ficha curricular

Elementos especificos
código da disciplinaciclo de estudossemestre lectivocréditos ECTSlíngua de ensino
2003607126pt,en


Objectivos formativos
Pretende-se dar continuidade ao programa de Neurobiologia I, dando ênfase a situações de disfunção e morte neuronal associadas a patologias do sistema nervoso central e periférico. A elevada prevalência das patologias neurodegenerativas, associada ao envelhecimento da população e à inexistência de cura ou tratamentos eficazes, justifica o estudo das patologias associadas ao cérebro no currículo do Engenheiro Biomédico. Para desenvolver técnicas de diagnóstico e tratamento, é necessário estudar as alterações subjacentes às patologias do sistema nervoso.
O aluno deverá ser capaz de descrever os mecanismos básicos de neurodegenerescência associados às patologias do sistema nervoso e ao envelhecimento, proporcionando a base para novos métodos de diagnóstico e de tratamento, avaliar as características das doenças do sistema nervoso central e periférico e reconhecer a importância da investigação na compreensão da neurodegenerescência seletiva, e na aplicação de novas abordagens terapêuticas.
Programa genérico mínimo
Na UC de Neurobiologia II lecionam-se os seguintes temas relacionados com as alterações celulares e moleculares do sistema nervoso durante o envelhecimento e em situações patológicas, assim como as estratégias terapêuticas atualmente existentes:
1. Mecanismos celulares e moleculares que conduzem à neurodegenerescência de diferentes áreas cerebrais ? influência do processo de envelhecimento.
2. Modificações do sistema nervoso central na toxicodependência.
3. Alterações neuropatológicas associadas a várias doenças do sistema nervoso periférico e central, e as respetivas técnicas de diagnóstico.
4. Identificação de alvos terapêuticos a nível molecular e celular e a aplicação de terapias neuroprotetoras farmacológicas, genéticas e celulares.
Pré-requisitos
É aconselhada a aprovação na UC de Neurobiologia I. Deverá ler e compreender a língua inglesa (linguagem técnica) e ser capaz de utilizar a internet para pesquisa bibliográfica de revistas científicas na área das Neurociências.
Competências genéricas a atingir
. Competência em análise e síntese;
. Competência em comunicação oral e escrita;
. Competência em trabalho em grupo;
. Competência em raciocínio crítico;
. Competência em entender a linguagem de outros especialistas;
. Competência em organização e planificação;
. Conhecimento de uma língua estrangeira;
. Competência em aprendizagem autónoma;
. Adaptabilidade a novas situações;
. Criatividade;
(por ordem decrescente de importância)
Horas lectivas semestrais
aulas teóricas45
aulas teórico-práticas15
seminário2
total horas lectivas62

Método de avaliação
Mini testes30 %
Exame30 %
OutrosApresentação oral e discussão de artigos científicos (30)/Oral presentation and discussion of scientific papers (30) %
Seminário (10)/Seminar (10) %

Bibliografia de referência
- Brady S, Siegel GJ, Albers RW, Price DL (2011) ?Basic Neurochemistry: Principles of Molecular, Cellular, and Medical Neurobiology?, 8 Ed., Academic Press.

- Purves D, Augustine GJ, Fitzpatrick D, Hall WC, LaMantia A-S, White LE (2012) ?Neuroscience?, 5 Ed., Sinauer Associates Inc.

- Artigos de revisão/Review papers
Método de ensino
Aulas teóricas: contacto próximo com o aluno de modo a facilitar um ambiente propício à transmissão de novo conhecimento. Sempre que possível apresentar-se-ão vídeos sobre os temas propostos.
Aulas teórico-práticas: os alunos prepararão (estudo autónomo) e apresentarão (oral) trabalhos científicos publicados em revistas internacionais especializadas. Dependendo do número de alunos, propõe-se a formulação e apresentação oral de um mini-projeto científico.
Seminário: interação com um cientista convidado, conceituado na sua área de investigação, e discussão de temas abordados nas aulas teóricas.
Recursos específicos utilizados
Acesso a internet.