DEPARTAMENTO DE FÍSICA

 

Didáctica da Física I - EFQ2

Ano letivo: 2017-2018
Especificação técnica - ficha curricular

Elementos especificos
código da disciplinaciclo de estudossemestre lectivocréditos ECTSlíngua de ensino
20032431175pt *)

*) N.B.  se houver estudantes que não falem português a língua é o inglês.

Objectivos formativos
Numa perspetiva de formação base de professores proposta por Lee Shulman, 1987, pretende-se desenvolver o conhecimento pedagógico dos conteúdos (PCK) a ensinar pelos futuros professores de Física aos alunos dos EBS. Com base nos respetivos programas, desenvolvem-se:
- competências linguísticas científico-pedagógicas de processamento de conhecimentos de Física anteriormente adquiridos, para os tornar adequados à sua lecionação nos diferentes níveis dos Ensinos Básico e Secundário;
- competências para o exercício de uma profissão reflexiva, criativa e avaliadora das consequências das atividades de ensino desenvolvidas, percebendo as eventuais dificuldades de aprendizagem da Física pelos futuros alunos;
- competências em análise e síntese, especificamente envolvidas na resolução de problemas e na contribuição destas atividades para a aprendizagem significativa da Física;
- competências em autocrítica e autoavaliação, potenciadoras de melhores críticas e avaliações dos futuros alunos.
Programa genérico mínimo
1.Introdução
A Física como ciência: os conceitos e modelos da Física e a realidade. A linguagem da Física e a linguagem do dia-a-dia. As preconceções dos alunos, as suas possíveis origens, a sua prevalência e eventuais modos de as corrigir.
Programas dos EBS e modelos de ensino da Física: exposição de conteúdos, discussões, resolução de problemas, as aulas laboratoriais; os manuais de ensino; a avaliação dos alunos e das suas aprendizagens.
2. Abordagem pedagógica e didática dos conteúdos básicos de Física anteriormente adquiridos, mais presentes nos programas dos EBS, tendo em atenção as considerações desenvolvidas na Introdução da disciplina
A Mecânica ? movimentos, interações, campos e energias de corpos reais
A Termodinâmica ? calor, radiação, temperatura
Fenómenos elétricos e eletromagnéticos
Fenómenos ondulatórios
Pré-requisitos
Conhecimentos de Física e competências associadas, necessários ao acesso ao Mestrado (50 ECTS)
Competências genéricas a atingir
. Competência em análise e síntese;
. Competência em comunicação oral e escrita;
. Competência para resolver problemas;
. Competência para comunicar com pessoas que não são especialistas na área;
. Competência em aplicar na prática os conhecimentos teóricos;
. Competência em organização e planificação;
. Competência em trabalho em grupo;
. Competência em raciocínio crítico;
. Adaptabilidade a novas situações;
. Competência em autocrítica e auto-avaliação;
(por ordem decrescente de importância)
Horas lectivas semestrais
aulas teóricas45
aulas práticas laboratoriais45
total horas lectivas90

Método de avaliação
Resolução de problemas15 %
Mini testes10 %
Exame75 %
concretização da avaliação em 20172018
Avaliação Mini Testes: 30.0%
Resolução de problemas: 30.0%
Exame: 40.0%

Bibliografia de referência
?de Almeida, MJ. Preparação de Professores de Física - Uma contribuição científico-pedagógica e didática. Editora Almedina, Coimbra, 2004.
?Costa, MMR and de Almeida, MJ. Fundamentos de Física. Editora Almedina, Coimbra, 2012.
?Manuais dos Ensinos Básico e Secundário.
?McDermott, L. Physics By Inquiry: volumes I e II. John Wiley & Sons, Inc, New York, 1996.
?Orientações Curriculares, Metas e Programas de Física dos Ensinos Básico e Secundário.
?Tipler, PA. Física: volumes 1, 2 e 3. LTC Editora, SA, Rio de Janeiro, 1999.
Método de ensino
. Apresentação de situações reais para discussão da Física envolvida; deteção de conceções incorretas; discussão, envolvimento em atividades reflexivas e propostas de correção; análise da evolução conceptual ao longo dos diferentes níveis de escolaridade; solicitação de exemplos; trabalhos para casa;
. Ligações entre as abordagens da Física em cada um dos dois ciclos de estudos;
. Resolução de problemas, por vezes numa perspetiva de avaliadores dos seus próprios alunos;
. Desenvolvimento de trabalhos de grupo e apreciação das suas potencialidades.
Recursos específicos utilizados
Data show, projector de acetatos.